Apesar de não existirem vestígios de uma judiaria ou de uma sinagoga, sabe-se que Vila Cova à Coelheira recebeu várias famílias de Cristão Novos, judeus convertidos ao cristianismo, também conhecidos como conversos, que professavam a sua fé em segredo por medo da Inquisição.

Assim, o Centro de Memória Judaica conta a história de várias famílias que aqui se concentraram vindas de Castelo Branco, de Lamego e de concelhos vizinhos mais próximos. Neste espaço dinâmico, poderá ainda conhecer outros aspetos da cultura judaica e até os vários símbolos associados a esta religião.

  • Entrada Gratuita
  • Acesso Aberto ao Público (quarta-feira, sexta-feira e sábado, das 10h00 às 12h00 e das 13h00 às 18h00), sendo o resto dos dias por Marcação
  • Condições de acesso - Via pavimentada
  • Estado de conservação - Excelente
  • Integra Roteiros/Rotas - Rotas de Sefarad (Nacional)